Izilda Bevilacqua

cidade
tema

Apoio a ONGs e projetos sociais

Sou Izilda, filha única de Braz e Josefa, migrantes nordestinos que moravam em Cubatão (SP). Lá, eles tiveram uma preocupação central: dar estudos à Izildinha (como eu era chamada pelos meus pais). Consegui absorver essa necessidade de formação por melhores oportunidades na vida ao me formar em Psicologia na Faculdade Metodista de São Bernardo do Campo (SP). Tive uma trajetória de desafios e superações, trabalhando como lavadeira e faxineira por alguns momentos, para ganhar algum dinheiro e comprar livros. Realizando meu sonho de formada, nunca esqueço o legado deixado pelo meu pai, de ajudar quem necessita.

Veja também

Assine a newsletter Acolher sobre mobilização social:

Ao clicar no botão “Enviar”, concordo que os meus dados submetidos estão a ser recolhidos e armazenados.

Nós utilizamos cookies neste site

Ao clicar em “Aceitar”, você concorda em armazenar, no seu navegador, os cookies utilizados para melhorar e customizar sua navegação.